Procedimento Cirúrgico
Mamoplastia redutora
this
Sobre o Tratamento

Mamoplastia redutora é cirurgia que diminui o tamanho e melhora a forma dos seios. O procedimento reduz o excesso de gordura, tecido glandular e pele da mama, aliviando o desconforto, posicionando a aréola corretamente e dando projeção à mama

Tempo de intervenção
3 a 4 horas
Anestesia
Local com sedação
Hospitalização
24 horas
Recuperacao
3 semanas
Efeitos
Imediatos
Resultados
Duradouros
Ainda tem dúvidas
Envie suas perguntas para o Dr. Mário Junqueira
Custos incluídos no tratamento
  • Hospital
  • Cirurgia
  • Anestesia
  • Revisões
Vantagens do tratamento
  • Diminui os problemas decorrentes do peso das mamas
  • Melhora o aspecto das mamas
Solicite uma ligação! Assim que recebermos seu contato, ligaremos para você

Resultados esperados e riscos:

Os resultados da mamoplastia redutora são imediatos, pois é possível perceber a redução das mamas após a cirurgia. Os riscos da cirurgia envolvem infecção, problemas de cicatrização, sangramento, perda de sensibilidade no mamilo, assimetria mamária e problemas na amamentação.

A intervenção:

É feita uma incisão na mama e o excesso de pele, gordura e de glândula mamária são retirados, dando nova forma aos seios. As cicatrizes do procedimento podem ser periareolar ou em formato de T invertido e a extensão e o tipo da cicatriz variam de acordo com cada caso.

Cuidados após a intervenção:

É indicado o uso de faixas durante 24 ou 48 horas e manter o sutiã cirúrgico por cerca de dois meses. É recomendado evitar atividades físicas por pelo menos 30 dias e não levantar ou movimentar muito os braços durante as primeiras três semanas.

Contraindicações:

A mamoplastia redutora é contraindicada para pessoas com problemas de coagulação, doenças cardiovasculares, gestantes e mulheres amamentando.

Dúvidas sobre Mamoplastia redutora

Procedimento Cirúrgico - Mamoplastia redutora

O formato e a extensão da cicatriz dependem da técnica utilizada e do tipo de mama da paciente, o que será definido durante a consulta médica. Dependendo do procedimento escolhido, pode-se ter cicatriz periareolar, com cicatriz vertical, com cicatriz em “T invertido ou cicatriz em forma de “L”.

A anestesia peridural é a mais utilizada, porém em alguns casos o paciente recebe anestesia geral.

O ato cirúrgico dura cerca de três a quatro horas, dependendo de cada paciente.

Normalmente, 24 horas.

A consistência e a forma são naturalmente melhoradas após a cirurgia, com a correção da ptose (queda) mamária ou hipertrofia, caso existam. Quanto ao tamanho, é possível optar por vários volumes dentre os que a mama original permitir, respeitando as proporções entre volume da nova mama, tamanho do tórax e altura da paciente.

O resultado final pode ser visto entre o 6º e 12º mês, quando as mamas atingem forma, consistência, sensibilidade e volume definitivos. Contudo, isso varia de pessoa para pessoa.

Sim, são colocados curativos modeladores para proteger as cicatrizes e acelerar a regressão do edema mamário, trocados periodicamente no consultório no período determinado pelo cirurgião plástico.

Geralmente, 48 horas após a cirurgia. Porém, é fundamental evitar molhar as cicatrizes na primeira semana para acelerar a cicatrização e evitar infecções cirúrgicas.

Suporte
Agende agora mesmo sua consulta com o Dr. Mário Junqueira

Assine nossa newsletter!

Receba as novidades do Dr. Mário Junqueira e mantenha-se informado.
Clínica Capelli
Tel.: (62) 4141-6333

R. 146, nº 82 - Setor Marista, Goiânia - GO, 74170-090

Clinica Revitalize
Tel.: (64) 3431-5786

R. Dr. Valdivino Vaz, 67 - Centro, Itumbiara - GO, 75503-040